Jogo de palitinho

Joguinho de adivinhação, conhecido também como porrinha ou purrinha, é amplamente difundido no Brasil e serve para divertir e estimular o raciocínio das crianças que estão aprendendo adição e subtração.

Mauro Celso resgatou este e outros joguinhos em seu site Jogos Antigos.

   

O objetivo é adivinhar a quantidade de palitos nas mãos dos participantes. O jogo ficará lento com muita gente jogando, sendo mais dinâmico com grupos de quatro alunos. Por outro lado, jogos com dois alunos fará com que fique muito fácil alcançar o objetivo.

Cada aluno recebe 3 palitos quebrados, feijões ou pedaços de papel (algo pequeno que possa ficar facilmente escondido dentro da mão).

Os alunos colocam as mãos para trás, escolhendo uma quantidade de palitos (zero, um, dois ou três), colocando a mão direita para frente. Os palitos em jogo são os que se encontram nesta mão.

A seguir, cada um dos jogadores dá o seu palpite (chamar), dizendo qual o total dos palitos em jogo, ou seja, quantos palitos, ao todo, existem nas mãos dos jogadores. Os palpites não podem ser repetidos. Ganha a rodada aquele que acertar o número exato de palitos em jogo.

Este jogador, então, tira um palito, deixa num lugar visível para todos e passa a jogar com um palito a menos, isto é, se tinha três palitos ao todo, agora jogará com dois. O jogador que deu o palpite em primeiro lugar, na próxima rodada será o último a chamar, e assim por diante.

Ganha o jogo quem primeiro ficar sem palitos para jogar.

Existem poucas restrições: na primeira rodada, não pode vir de lona, ou seja, não pode apresentar a mão direita sem nenhum palito.